www.agostinhorosa.com.br

  ->  Como tornar-se um autodidata
Ante-sala
Profissional
Pessoal
Lazer
Blog
Artigos
Tutoriais
Programas
Contatos

Como tornar-se um Autodidata


Parte 1


Por que ser autodidata?

Quais as vantagens de ser um autodidata? Soberania e independência. Pode parecer estranho à primeira vista, mas o saber conseguido por seus próprios meios traz algo muito além da capacitação usualmente adquirida com esse saber. A parte mais valiosa do processo do auto-aprendizado é o regozijo em se conseguir o próprio saber, em conviver com ele. Sem se depender de outros, de sustentação externa e, principalmente, sem a influência, algumas vezes maléfica, que os guias podem trazer. Quem não detesta uma disciplina em razão de traumas causados por um mal professor? Isso representa um prejuízo sem tamanho para o estudioso: a disciplina não é ruim por si, e nem o mundo deixará de exigir seu domínio simplesmente por ter tido o estudante a infelicidade de sofrer a má influência de um amargurado qualquer.

Isso não é algo teórico nem difícil de se conseguir. Digamos que você queira aprender a fazer páginas para a Internet. Feche os olhos e pense: "Eu vou aprender a fazer páginas para Internet. Vou procurar informações por minha própria conta. Se necessário eu compro um livro ou peço ajuda a alguém. Mas vou aprender."

Esqueça de pensamentos do tipo

"- É difícil.", ou

"- Alguém irá me ensinar".

Fechou os olhos? Pensou? Parece-lhe difícil? Então voltemos ao modo tradicional de aprender. Quem seria seu melhor professor? Em algum lugar ele existe! Vamos construir seu perfil, que isso facilitará a tarefa de encontrá-lo. Como seria ele?

  • Alguém que soubesse exatamente o que você quer aprender;
  • alguém que entendesse seu jeito de ser;
  • alguém que entendesse seu ritmo de aprendizado e o aceitasse;
  • alguém que seja capaz o suficiente;
  • alguém que não o pressione além dos seus limites;
  • alguém que não pare de lhe ensinar simplesmente porque acabou o período das aulas;
  • alguém que esteja sempre disponível no horário de que você dispõe;
  • alguém que se interesse pelo tema tanto quanto você.

E por aí você pode prosseguir com suas próprias exigências. Feche os olhos novamente e pense um pouco. Onde encontrar tal mestre? Quem poderia ser essa pessoa?

Sem lhe conhecer pessoalmente, eu já tenho a resposta. Provavelmente você também já tenha. Você mesmo! Claro, quem seria tão dedicado a lhe ensinar a não ser você mesmo? Naturalmente que existem, pelo mundo afora, milhares de professores abnegados que se alimentam do prazer de ensinar aos outros. Dedicação, abnegação, doação são valores menos raros do que podemos à primeira vista imaginar. E é por isso mesmo que a Internet é o paraíso dos autodidatas. Como há milhares de pessoas assim abnegadas e dedicadas, é fácil encontrar explicações para a grande maioria das dúvidas que se possa ter sobre qualquer assunto.

Mas agora há a diferença crucial: você irá em busca do conhecimento. Ativamente. Com total disposição. Desfrutando da disponibilidade de pessoas ao redor do mundo dispostas a ensinar. Mas a escolha é sua. Seu professor é você mesmo. O ritmo é o seu. O avaliador é você. Não pode haver melhor escola.



Introdução         O que é necessário para tornar-se autodidata?


Topo da Página.    Copyright © 1999-2003 Todos os direitos reservados.